Buscar

Polícia prende homem que matou nova-andradinense em Rondônia

Informações foram divulgadas em coletiva de imprensa pelo delegado de Espigão do Oeste (RO)

Cb image default
Cleriston Roberto da Silva - Foto: Redes Sociais/Reprodução

Uma ação do Serviço de Investigação e Captura da Polícia Civil (SEVIC) e do Núcleo de Inteligência da Polícia Militar, resultou na prisão do homem que matou o professor nova-andradinense, Cleriston Roberto da Silva, de 35 anos, no dia 28 de junho, no Distrito de Pacarana, em Espigão do Oeste (RO).

As informações foram divulgadas em coletiva de imprensa pelo delegado, Rafael Costa Dourado.

De acordo com a autoridade, o autor estava escondido a cerca de 50 km do Distrito de Pacarana, em uma barraca, mata adentro. No momento da prisão, na segunda-feira (01), ele teria utilizado um nome falso, que segundo informações, era o mesmo nome que ele apresentava no distrito.

Na delegacia local, o autor foi identificado pelas iniciais E.R.R, onde confessou o crime.

Na versão apresentada por ele, o mesmo estaria na casa de Cleriston ingerindo bebidas alcoólicas, quando teriam se desentendido. Durante a discussão, ele teria desferido três golpes de faca na vítima, que foi socorrida por populares, mas morreu antes de receber atendimento médico.

Um inquérito policial foi instaurado e o autor do crime encontra-se preso, à disposição da Justiça. Segundo o delegado Rafael, os laudos periciais estão sendo realizados, podendo indicar se houve luta corporal na ocasião e revelar maiores detalhes sobre o caso.

A vítima, que já residiu em Nova Andradina, atuava como professor em uma escola municipal pertencente ao distrito. (*Informações retiradas de vídeo gravado pelo portal Espigão Alerta)

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.