Buscar

Preso em flagrante, marido volta a agredir companheira por não aceitar filho homossexual

Autor teria ameaçado a vítima com uma faca e ainda a agrediu fisicamente

Cb image default

O caso será acompanhado pela Delegacia de Atendimento à Mulher - Foto: Arquivo/Nova News

C.P.S., de 27 anos, foi preso em flagrante na tarde desse sábado (26) após ser acusado de agredir a própria companheira, de 43 anos, no Conjunto Habitacional Almesinda Costa Souza, em Nova Andradina.

Segundo as informações a que o Nova News teve acesso junto ao boletim de ocorrência, o caso de violência doméstica teve a intervenção da Polícia Militar que foi acionada para conter o suspeito. No local, os policiais constataram que o casal estaria ingerindo bebidas alcoólicas e iniciado uma discussão a princípio por motivos banais.

Em seguida, o autor teria ameaçado a vítima com uma faca de cozinha, bem como desferiu um soco em seu tórax e um tapa em seu olho esquerdo, cujo olho já se encontrava lesionado por uma outra agressão cometida pelo marido há três dias em que a polícia chegou a ser acionada.

Apurando a motivação das agressões, os policiais tiveram conhecimento que o autor frequentemente inicia discussões pelo fato de desentender com o filho da esposa que é homossexual.

Após registrada a ocorrência na Delpol, a vítima foi orientada a procurar o Hospital Regional para atendimento médico, assim como o IML (Instituto Médico Legal) para exame de corpo de delito. Ela manifestou o desejo de representar criminalmente em desfavor do autor, bem como manifestou o pedido de solicitação de medida protetiva. O caso será acompanhado pela DAM (Delegacia de Atendimento à Mulher).

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.