Buscar

Vítima de ameaças misteriosas, mulher tem a casa invadida em Nova Andradina

Caso foi registrado na 1ª Delegacia de Polícia de Nova Andradina

Imagem: Acácio Gomes / Nova News

Cb image default

Na manhã desta quinta-feira (12), compareceu na 1ª Delegacia de Polícia de Nova Andradina uma mulher de 45 anos, residente na Rua Walter Hubacher, comunicando, durante a última noite, teve sua residência invadida por pessoas desconhecidas, que arrombaram a porta que dá acesso à cozinha.

A vítima disse aos policiais que desde a última segunda-feira (09) está dormindo na casa da uma amiga por medo de ameaças que vem sofrendo por meio de ligações telefônicas. Ela detalhou que a porta da residência foi arrombada, diversos pertences foram vasculhados, mas relatou que percebeu a falta de apenas R$ 20,00.

Sobre as ameaças, a mulher disse que elas seriam por causa de seu ex-esposo, com o qual rompeu relacionamento há aproximadamente dois meses. A vítima alega que durante as ameaças, os criminosos usam o termo “talarico”, palavra usada para qualificar um homem que se envolve fisicamente ou emocionalmente, de forma imprópria, com a mulher de um amigo.

A moradora afirma que terminou seu casamento justamente por descobrir que seu ex-esposo teria se envolvido com outra mulher. Ela forneceu à Polícia Civil os números dos telefones utilizados pelos criminosos para fazer as ameaças. Os dois números tem DDD 85, que corresponde ao Estado do Ceará.

Caberá agora às autoridades apurar quem teria entrado na casa da vítima e descobrir se a invasão tem relação com as ameaças misteriosas que a mulher tem recebido por telefone. O caso foi registrado como furto qualificado pela destruição ou rompimento de obstáculo, praticado durante a noite e também como ameaça.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.