Publicado em 01/08/2019 às 18:54, Atualizado em 02/08/2019 às 11:26

Com as bênçãos de Azambuja, prefeito de Anaurilândia deixa MDB e migra para PSDB

Filiação ocorreu nesta quinta-feira (01)

José Almir Portela, Redação Nova News

Foto: Teo Pini/Nova News

Cb image default

Após administrar o município por quase quatro mandatos, sendo um dos filiados mais antigos da legenda no município de Anaurilândia, o prefeito Edinho Takazono deixou nesta quinta-feira (01) o partido do Movimento Democrata Brasileiro (MDB) e se filiou ao Partido Social da Democrata Brasileiro (PSDB).

O convite foi feito pelo próprio governador, porém, já havia uma sondagem há algum tempo pelo atual presidente da legenda, Sérgio de Paula. Takazono disse que ao longo de sua vida construiu uma história política muito bonita dentro do MDB. Edinho disputou seis eleições pelo partido em um período de 24 anos. A legenda, segundo ele, foi importante na construção de projetos políticos que ajudaram muito no desenvolvimento ao longo desses anos que esteve à frente da administração municipal. “Estou saindo pela porta da frente e indo para o PSDB, um partido que sempre esteve ao meu lado durante quase toda minha trajetória no MDB. Juntos tivemos vitórias e derrotas, porém, sempre unidos em busca dos mesmo ideais, ou seja, defender os interesses de nossa comunidade”, explicou. Takazono finalizou dizendo que seu maior partido é Anaurilândia e que independente de sigla, todos tem um único objetivo, trabalhar pelo município.

Edinho disse que deixa o MDB, porém, lá ficam amigos e companheiros com o mesmo respeito e desejo de continuar trabalhando por uma Anaurilândia cada vez melhor. Presidido hoje pelo atual secretário de Saúde Edemir Palmeira, o Pachú, o MDB continua, tanto na Câmara Municipal, quanto dentro do diretório municipal, dando apoio ao prefeito Edinho Takazono.

Para o governador Reinaldo Azambuja, o momento é de alegria em receber o prefeito Edinho ao ninho tucano. “Eu tenho um orgulho enorme em estar no PSDB. Vim a convite do saudoso senador Lúdio Coelho e permaneço até hoje. O PSDB faz parte da história do Brasil, ajudou muito nosso país. Pra mim hoje é um momento de alegria em receber o Edinho, pois ele não é só um prefeito, mas também um amigo particular que tenho. Tenho muita gratidão por tudo que vocês fizeram por mim em toda minha trajetória política“, finalizou.

Os secretários Geraldo Resende, (Saúde) e Roberto Hashioka, (Administração e Desburocratização), ambos do PSDB, estiveram no evento, junto com o presidente regional da sigla, Sérgio de Paula, acompanhado do deputado federal Beto Pereira. Dezenas de lideranças tucanas da região participaram do ato de filiação, dentre elas, os prefeitos do PSDB da região, Roberto Nem, de Taquarussu, Éder Uilson, o Tuta, de Ivinhema, Pedro Caravina, de Bataguassu, Eraldo Leite, de Jateí e Roberto Cavalcante, de Angélica.