Buscar

Vereador Sandro requer informações sobre atestados médicos emitidos a servidores do município

Democrata solicitou a relação dos atestados emitidos neste período (Imagem: João Cláudio/CMNA)

Atestados médicos e odontológicos em algumas situações causam discussões entre empregados e empregadores. 

O motivo, em sua maioria, é o excesso de dias de afastamento ao trabalho que muitas vezes são questionados. Esse assunto foi abordado na Câmara Municipal, durante a sessão ordinária desta segunda-feira (11).

O vereador Sandro Hoici (DEM) apresentou requerimento solicitando à diretora-presidente do PREVINA, Edna Chulli, informações sobre os atestados médicos apresentados por servidores municipais no último trimestre do ano de 2015.

No documento, o Democrata solicitou a relação dos atestados emitidos neste período. Observando a não identificação dos pacientes, de acordo com a ética profissional. Além disso, o Parlamentar pergunta a quantidade e a soma de dias de afastamento dos atestados fornecidos, e ainda, qual pasta da municipalidade teve mais dias de afastamento.

Dr. Sandro justifica que as informações são necessárias para que seja realizado um estudo de dias não trabalhados, conforme a emissão de atestados fornecidos pelos profissionais da saúde ao quadro de funcionalismo público. “Tenho certeza que os profissionais brasileiros da área de saúde de nosso município tem qualidade, propriedade e embasamento ético para emitir esses documentos”, afirmou o Edil.

O propositor observa a necessidade de averiguar se o número de documentos recebidos pelo PREVINA estão dentro da média nacional aceitável. “Com essas informações poderão ser tomadas medidas preventivas para a melhoria da saúde dos trabalhadores e, desta forma evitar faltas desnecessárias para que a empresa possa ter sua força de trabalho preservada”, argumentou Dr. Sandro.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.