Buscar

Dia dos Pais - Morador de Nova Andradina comenta a emoção em ter seu primeiro filho nos braços

“Comemorar meu aniversário e também o Dia dos Pais junto do Miguel é um presente mais que especial”, afirma Aguiar Carvalho

Cb image default
Ser papai de primeira viagem é uma emoção indescritível, afirma Aguiar Claudinei de Carvalho - Imagem: Acácio Gomes / Nova News

Este mês de agosto está sendo muito especial para um morador de Nova Andradina: Aguiar Claudinei de Carvalho, que completa 36 anos de vida neste sábado (10), está comemorando seu primeiro aniversário sendo pai e também, neste domingo (11), ele celebra o primeiro Dia dos Pais sendo pai!

Tudo isso porque no último dia 23 de julho veio ao mundo o pequeno Miguel Santana de Carvalho, fruto do casamento de sete anos de Aguiar com Lucimara Santana de Novaes, de 30 anos. Carvalho é natural de Glória de Dourados, mas mora em Nova Andradina desde 2006, cidade onde conheceu Lucimara.

Segundo ele, comemorar seu primeiro aniversário e também festejar seu primeiro Dia dos Pais com o filho nos braços é motivo de muita alegria e de grande emoção. “Sou pai de primeira viagem e posso afirmar que é algo muito diferente e muito especial”, afirma ele, que trabalha como topógrafo em uma usina do município.

Cb image default
Com o filho nos braços e ao lado da esposa, Carvalho fala sobre a importância da união na família - Imagem: Acácio Gomes / Nova News

Aguiar revela que há alguns anos jamais imaginaria ser pai. “Nosso filho foi planejado, nos preparamos para isso, mas confesso que até certo tempo atrás eu não me via assim segurando uma criança nos braços. É uma sensação nova e, ao mesmo tempo, uma realização muito grande”, diz.

“Até agora eu comemorava o Dia dos Pais parabenizando as pessoas que já tiveram a bênção de colocar vidas no mundo, mas este é o primeiro Dia dos Pais no qual vou ser parabenizado. Pode parecer algo simples, mas é uma mudança muito importante e algo que significa muito na vida de um homem”, afirma Aguiar.

Nas palavras dele, desde que soube que Miguel estava a caminho, a emoção e a ansiedade tomaram conta. “Quando o exame deu positivo foi algo muito emocionante. Depois veio o acompanhamento do pré-natal e a expectativa de ver o rostinho do meu filho em cada ultrassonografia. É algo que não tem explicação”, revela.

Ele também acompanhou de perto os procedimentos do parto e assistiu o nascimento de Miguel de dentro da sala de cirurgia. “Eu tremia de emoção. Não via a hora de ver meu filho e graças a Deus tudo correu bem e ele veio com muita saúde”, comemora.

Cb image default
"Ansiedade de saber que Miguel estava a caminho era muito grande", afirma Aguiar. No detalhe, ele e a esposa posam para ensaio fotográfico com a imagem da ultrassonografia do filho - Imagem: Acácio Gomes 

Aguiar reafirma que ser pai, especialmente em seu caso, de primeira viagem, é algo que mexe muito com o lado emocional. “Ao ser pai a gente se dá conta do tamanho que é esta responsabilidade, de trazer ao mundo uma nova vida, um ser tão pequeno, tão frágil e ao mesmo tempo tão especial, capaz de nos encher de alegria com apenas um sorriso”, afirma.

Ele afirma que assim como foi um pai presente durante a gestação e o parto, quer estar também bem próximo do filho durante seu crescimento e desenvolvimento.

“Muitos homens pensam que cuidar do filho é papel só da mãe, mas eu digo que é missão da mãe e do pai. Apesar das obrigações profissionais e da correria do cotidiano, quero ser um pai presente a atuante na vida do Miguel, pois entendo que a família bem unida é a base de tudo”, diz ele.

Nas palavras de Aguiar, desde trocar as fraldas e fazer o filho dormir até, futuramente, quando surgirem os deveres da escolinha e as demais atividades, quer sempre ser participativo.

“Entendo que ser pai é estar presente na vida do filho. Aproveito para deixar uma mensagem a todos os pais, sejam de primeira viagem, como eu, ou não, para que participem da vida dos filhos. Deus abriu mão de Ele próprio continuar criando para transferir este dom ao homem e à mulher, então vamos fazer isso com amor e com muita fé”, finaliza.

Cb image default
Momento em que a família saía do hospital após o nascimento de Miguel: "Foi maravilhoso ir para casa com minha esposa e meu filho, pois a família cresceu", diz ele - Imagem: Cedida pela Família

Origem do Dia dos Pais*

Atualmente, assim como o Dia das Mães, o Dia dos Pais é uma das datas mais prestigiadas no mundo como um todo e no Brasil, em especial. Entretanto, pouco se sabe sobre a origem dessa data.

No Brasil, ela é comemorada no segundo domingo de agosto, mas já foi comemorada fixamente no dia 16 desse mesmo mês. Nos Estados Unidos e em várias outras nações, a data é comemorada no terceiro domingo de junho; em Portugal e Espanha, em 19 de março; na Rússia, no dia 23 de fevereiro.

O Dia dos Pais passou a ter repercussão mundial a partir do início do século XX, quando a data foi institucionalizada nos Estados Unidos da América. Naquele país, a data foi comemorada pela primeira vez em 19 de junho de 1910, por sugestão de uma moça chamada Sonora Louis Dodd, que quis homenagear seu pai, William Jackson Smart.

Smart era um veterano da Guerra Civil Americana que, após a morte da esposa, teve que criar sozinho Sonora e os outros filhos. A homenagem de Sonora começou em 1909, em sua cidade, Spokane, no estado de Washington. O dia em questão, 19 de junho, era a data de nascimento de seu pai. O gesto simples da moça acabou por mobilizar muitas pessoas da mesma cidade a fazer o mesmo tipo de homenagem. De Spokane, a prática alastrou-se para outros estados dos EUA.

No Brasil, o Dia dos Pais só foi comemorado pela primeira vez em 1953. A ideia inicial era associar a data ao dia de São Joaquim, pai de Maria, mãe de Jesus Cristo, que é comemorado em 16 de agosto, no calendário litúrgico da Igreja Católica.

Já nos anos seguintes, a data foi deslocada para o segundo domingo do mês de agosto e assim permanece até hoje. (*Com informações do Portal Brasil Escola no que se refere à história da comemoração).

Cb image default
Morador de Nova Andradina reflete que Deus nos deus a sublime missão de promover a vida: "Ser pai é uma grande responsabilidade e um maravilhoso dom" - Imagem: Acácio Gomes / Nova News

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.